You are currently viewing Smart Cities: O papel das câmeras de monitoramento
Smart Cities

Smart Cities: O papel das câmeras de monitoramento

Compartilhe

A idealização de tornar uma cidade em um ambiente inteligente requer como um primeiro passo a adoção de tecnologias de sensoriamento. Sem uma coleta de dados ampla, robusta e confiável, não há material suficiente para que ações sejam definidas a construir as Smart Cities.

Para isso, a alternativa mais trivial é que seja instalado um sensor para cada parâmetro em cada ponto que se deseja mensurar.

No entanto, dessa forma torna-se possível somente quantificar os dados e, para qualificá-los, poderia ser necessária mais sensores.

Para essa finalidade, câmeras auxiliam significativamente no processo de coleta de dados de uma maneira muito mais ampla e adaptável. Esse tipo de tecnologia já está difundido, mas atualmente passa por uma evolução através da integração com softwares de Inteligência Artificial que são capazes de extrair uma grande variedade de dados dessas imagens.

Câmeras como solução para Smart Cities através do Perini City Lab

Uma solução desenvolvida pelo Perini City Lab e que contou com a parceria da Vivotek para fornecimento de câmeras de última geração foi a Smart Street.

Neste projeto, as câmeras da Vivotek capturam imagens 24 horas por dia e, através de hardware para processamento no local, extraem dados de fluxo de veículos e pessoas, segurança e clima, por meio software de Inteligência Artificial.

Dessa forma, a administração do condomínio onde o sistema está instalado pode monitorar em tempo real as condições da via e, se necessário, atuar de forma rápida para coibir algum evento que ponha em risco a segurança no local.

Além disso, os dados permitem entender a dinâmica da via e, assim, propor eventuais medidas para que se melhore o fluxo de veículos ou a travessia de pedestres, por exemplo.

O Perini City Lab e as soluções da Macnica DHW para Smart Cities

Além disso, o Perini City Lab trabalha diariamente com a gestão e consultoria em testes, validação e demonstração de soluções para Smart Cities, permitindo que soluções e tecnologias para este segmento sejam estressadas e estejam prontas para ir ao mercado e atender às demandas reais de cidades.

Da mesma forma, a Macnica DHW, fornece soluções em Inteligência Artificial totalmente aderentes ao ambiente público e necessárias no escopo de Smart Cities, como a Icetana – uma plataforma que permite a identificação de forma autônoma de ações e eventos incomuns registrados por câmeras, através de tecnologia de video analytics –, e a Beabloo – um software com foco na identificação de padrões e da jornada do cliente em lojas de varejo, em shoppings fechados ou abertos.

Se você quiser saber mais sobre as soluções que a Macnica DHW oferece para ambientes inteligentes ou ainda desenvolver, testar ou demonstrar sua solução para Smart Cities através do Perini City Lab, entre em contato conosco.

Acompanhe a Macnica DHW nas Redes Sociais:​​​

Compartilhe

Eduardo Bachmann

Graduando em Engenharia Automotiva pela UFSC, trabalha no setor de IoT&AI Solutions. No Perini City Lab, laboratório voltado ao desenvolvimento e validação de soluções para Smart Cities, auxilia na operação do projeto. Neste blog escreve sobre a temática das cidades inteligentes e sobre a aplicação das principais soluções oferecidas pela Macnica DHW.